MARIA TERESA ALVES DA COSTA FILIPE CIRNE

Percurso académico e profissional
Licenciatura em História, pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto (1996).
Mestrado em História Contemporânea pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto (1998).
Especialização em Ciências Documentais (variante Arquivos), pela Universidade Portucalense Infante D. Henrique (2002).
Técnica Superior de Arquivo na Divisão de Arquivo Municipal da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia.
Fundadora, membro do Conselho Redactorial e colaboradora da In_Cid, Revista de Ciências da Documentação e Informação, da Universidade Portucalense Infante D. Henrique;
Sócia efectiva e investigadora do CEPESE – Centro de Estudos da População, Economia e Sociedade, da Universidade do Porto;
Membro da Comissão Permanente do Grupo de Trabalho sobre Gestão de Documentos de Arquivo no âmbito da BAD – Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas.
Formadora e monitora de vários Cursos de Técnicos Profissionais de Arquivo.
Docente convidada da Universidade Portucalense Infante D. Henrique, leccionando no Curso de Especialização em Ciências Documentais. 

Trabalhos publicados
Um projecto de colonização portuguesa em Angola nos finais do século XIX (1884). In "Revista de História da Faculdade de Letras da Universidade do Porto". Porto: Universidade do Porto, 1998;
Perspectivas do Colonialismo Nacional: A Sociedade de Geografia Comercial do Porto (1880-1888)
. Porto: 2000 (texto policopiado). Tese de mestrado;A ética para os profissionais da informação audiovisual: o devir tecnológico a moldar uma atitude. In Cadernos BAD. Lisboa: BAD, 2002.Dinamização cultural e educativa dos Arquivos Municipais: novos rumos, outras estratégias. In IN’CID – Revista de Ciências da Informação e da Documentação. Ano 1, n.º 1. Porto: Universidade Portucalense Infante D. Henrique, (p. 77 a 95).A Companhia do Alto Douro e a emissão de passaportes para o Brasil. In O Vinho do Porto em Gaia & Companhia. Porto: CEPESE – Centro de Estudos da População, Economia e Sociedade, 2005 (p. 71-110).Os arquivos distritais e o estudo da emigração portuguesa para o Brasil In POPULAÇÃO E SOCIEDADE. Porto: CEPESE – Centro de Estudos da População, Economia e Sociedade, 2006.

Fechar Janela